porque um blog?

para registrar.

porque o escrever, mesmo que digital, ajuda a pensar.

para produzir imagens. de mim mesma e do mundo. que, ao fim e ao cabo, não são desmembráveis.

para produzir memórias. do ontem, para refazer-me; do agora, para recordar-me.

para instigar.

para que o amigo, que não vê há tempos, me acompanhe, e quando nos encontrarmos, retomemos a conversa de onde paramos, como se o tempo não tivesse passado.

para que eu me veja.

para através do cotidiano, ir além do cotidiano.

porque no cotidiano, e em sua transcendência, está a minha construção, por construir e descontruir. shiva e brahma.

vishnu entre eles.

falo pouco, economizo palavras.

penso sobre elas.

filtro.

elaboro.

memorio.

blogo.

(tem dias que sou mais enigmática, outros mais literal. uns dias falarei do hoje, outros do ontem, outros do amanhã. do mundo que me cerca e me encanta. ou não. wellcome to the journey)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *